Mão escrevendo com caneta no papel

Laudo de vistoria veicular: você realmente sabe como funciona?

O laudo de vistoria veicular é um documento que detalha e certifica as condições do veículo. Por isso, é bastante utilizado na contratação de seguros, venda e transferência de automóveis, como carros e caminhões.

Na prática, os envolvidos nessas operações têm mais segurança sobre o negócio, porque o laudo traz transparência e facilita o exercício de direitos.

Continue a leitura para entender a importância desse documento no dia a dia!

O que é laudo de vistoria veicular?

O laudo de vistoria veicular contém as conclusões dos especialistas após analisarem as condições físicas e legais do bem. Com isso, se realizado corretamente, serve de prova do estado do veículo.

Encontramos as seguintes informações nesse documento:

  • estado geral do veículo;
  • listagem dos itens avaliados;
  • condições identificadas em cada item;
  • identificação dos responsáveis pelo procedimento;
  • informações identificação do veículo (placa, chassi, cor, modelo e ano).

A vistoria e emissão do laudo são necessários diante de operações que demandam a certificação das condições do bem. Dependendo do contrato, os itens avaliados podem mudar, mas a intenção é a mesma.

Em contrato de seguro, por exemplo, poderíamos mostrar que um dano ocorreu após a contratação do seguro, com mais transparência. Afinal, as condições do veículo são verificadas, anteriormente, no laudo de vistoria.

Na venda de carros, o antigo proprietário poderia demonstrar que o veículo foi entregue ao comprador em boas condições. Já no transporte, a transportadora copia o laudo para comprovar as condições do carro na retirada, demonstrando serem as mesmas da entrega.

O que o documento avalia?

Os itens avaliados estão relacionados à situação legal e ao estado físico do veículo. É importante que, na vistoria, os especialistas se atentem aos seguintes pontos:

  • constatar danos;
  • analisar o funcionamento do veículo;
  • verificar quem é o legítimo proprietário;
  • avaliar o estado de conservação do bem;
  • conferir a documentação e registros do veículo.

Ao final do processo, o laudo é o resultado desse check-up completo do bem.

Quais são os tipos de vistorias?

As vistorias veiculares podem ser de três tipos:

  • prévia;
  • cautelar;
  • transferência.

Na vistoria prévia, o objetivo é avaliar as condições do veículo, geralmente para contratação de seguro automotivo. É uma medida que coloca a seguradora e o segurado na mesma página sobre a situação do bem.

Por sua vez, a vistoria cautelar é realizada para verificar a procedência do veículo. Antes de realizar uma compra, podemos identificar se o carro foi batido ou alagado, analisando se as peças são originais e conferindo documentos, por exemplo.

Por fim, a vistoria de transferência é realizada em casos de:

  • alteração de categoria;
  • transferência de propriedade;
  • mudança de município do proprietário;
  • mudanças de característica do veículo.

O Detran é o responsável por esse procedimento e ele é obrigatório.

Qual a diferença entre laudo, vistoria e inspeção?

Muitas vezes, o laudo de vistoria veicular é confundido com vistoria e inspeção. Embora sejam assuntos relacionados, que visam verificar o estado de um veículo, elas têm diferenças. Confira!

Laudo de vistoria veicular

O laudo é o documento em que consta o resultado da avaliação. Aliás, diversas áreas contam com essa declaração.

Antes de alugar uma casa, por exemplo, podemos realizar o laudo de vistoria do imóvel, e para obter benefício no INSS, usamos um laudo de perito médico.

Vistoria veicular

A vistoria é o procedimento que analisa as condições do veículo. Seu objetivo é emitir o laudo que servirá de prova do estado do bem.

Inspeção veicular

A inspeção é uma análise de conformidade do veículo com a legislação, em relação às condições de circular e emissão de poluentes. Atualmente, ela está prevista para veículos com mais de três anos em circulação, sendo realizada a cada dois anos.

Enquanto na vistoria, o objetivo é apontar fatos sobre o veículo, na inspeção é aprovação  ou reprovação conforme a lei.

Resumidamente, o laudo de vistoria veicular é um documento importante, que pode ser gerado a partir da vistoria. Com ele, é possível demonstrar as condições do bem, garantindo contratação mais transparente em diversas operações.

Se o conteúdo tirou suas dúvidas, assine nossa newsletter para receber gratuitamente dicas sobre compra de automóveis, educação financeira e consórcios!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll to top
Close Bitnami banner
Bitnami